Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

Beatlemania, um vírus incurável

Imagem
Maio deste ano marcou 40 anos do lançamento do álbum Let It Be, o último de estúdio dos Beatles1, a banda que escreveu um dos livros mais importantes do evangelho do rock. Os quatro rapazes de Liverpool já haviam se separado antes mesmo do lançamento do álbum e o encontro como conjunto – sem John Lennon, naturalmente – só aconteceria em meados dos anos 90, para a efêmera produção dos álbuns e asérie para TV Anthology. Os Beatles, porém, sobreviveram a esse intervalo de tempo e continuaram conquistando fãs.
E eu mesmo sou um exemplo disso. Nasci em 75, cinco anos após o fim da banda e só tinha cinco anos quando John Lennon morreu. Porém, com quinze anos ganhei uma fita cassete de presente (o MP3 só surgiria na minha fase adulta) com uma coletânea dos Beatles e fiquei louco com aquilo. Ouvi a fita um sem-número de vezes e, em seguida, comecei a ir atrás dos álbuns originais e da história da banda. Fui contaminado de forma irreversível pelo poderoso vírus da beatlemania, o mesmo que havia…